Canadá · Viagem

Intercâmbio no Canadá – Passeios

Olá pessoal!

Creio que todos irão gostar do tema do post de hoje: passeios!
Hoje vou compartilhar com vocês os passeios que eu fiz na cidade de Toronto, incluindo fotos, descrição das atrações, preços e minha opinião. No próximo post falarei sobre os passeios que eu fiz fora de Toronto, ou seja, em outras cidades canadenses.
Não lembro exatamente os valores que eu paguei pelos passeios, já que faz um tempinho que fiz o intercâmbio (quase 2 anos), então para facilitar irei colocar os preços atuais que a ILAC oferece e os preços dos tickets comprados diretamente nas atrações.
Todos os preços mencionados abaixo já incluem os impostos de 13% referentes à província de Ontário.

AGO
1-) AGO – Art Gallery of Ontario.
É a mais antiga galeria de arte do Canadá e um dos maiores museus de arte na América do Norte. Com espaço físico de 55 mil metros quadrados, o espaço abriga mais de 79 mil trabalhos, incluindo obras produzidas em períodos anteriores a Cristo. Outros destaques são quadros de grandes mestres da arte europeia, como Vincent van Gogh e Pablo Picasso.

Minha opinião: Eu gosto bastante de museus, então achei o lugar maravilhoso. É enorme e possui obras de todos os tipos e para todos os gostos. Vale muito a pena, principalmente para quem é apaixonado por galerias de arte.

Preço na atração: CAD 22.04 general admission. Nas quartas-feiras a entrada é grátis das 18h00 às 21h00.
Preço com a ILAC: CAD 1.00 (valor simbólico – as visitas com a ILAC são sempre às quartas-feiras no horário acima descrito, cuja entrada ao AGO é gratuita).

Maiores informações aqui.

Casa Loma2-) Casa Loma.
O castelo foi residência de um próspero homem de negócios, Sir. Henry Pellat.  Durante a década de 30 a propriedade foi colocada a leilão e acabou sendo comprada pela prefeitura, sendo posteriormente transformada em atração turística.
Com 98 cômodos, a Casa Loma é considerada uma das maiores residências do Canadá. As suítes são decoradas com obras de arte de diversas partes do mundo, e as mobílias e os objetos de decoração são originais, transportando o visitante para um cenário real do início do século passado.

Minha opinião: Adoro castelos e casas antigas, e gostei bastante da Casa Loma. É uma ótima oportunidade para conhecer o estilo de um castelo construído e habitado décadas atrás. Há várias passagens e túneis “secretos”, o que torna o castelo ainda mais interessante.

Preço na atração: CAD 24.00 general admission.
Preço com a ILAC: CAD 20.00 general admission.

Maiores informações aqui.

Ripley3-) Ripley’s Aquarium of Canada.
O aquário possui 5,7 milhões de litros (1,5 milhões de galões) de habitats marinhos e de água doce de todo o mundo. A exposição conta com 13.500 exemplares exóticos de mais de 450 espécies. O aquário é organizado em nove galerias: Canadian Waters, Rainbow Reef, Dangerous Lagoon, Discovery Centre, The Gallery, Ray Bay, Planet Jellies, Life Support Systems e Shoreline Gallery Shoreline.

Minha opinião: Adorei! Há diversos ambientes e às vezes temos a impressão que estamos dentro de um aquário junto com os animais. Além disso há brinquedos para crianças e alguns animais que os visitantes podem interagir diretamente.

Preço na atração: CAD 33.88.
Preço com a ILAC: CAD 29.00.

Maiores informações aqui.

CN Tower
4-) CN Tower.
É a atração turística mais visitada de Toronto, recebendo anualmente cerca de 2 milhões de visitantes. Com 553 metros de altura (equivalente a um prédio de 170 andares), a torre é a terceira mais alta construção do mundo.
A CN Tower conta 4 níveis para observação. Em dias limpos, a visibilidade chega atingir 160 quilômetros, podendo-se avistar as Cataratas do Niagara, na fronteira do Canadá com os Estados Unidos.
A 342 metros do solo está o Chão de Vidro e um observatório externo. A 346 metros está o Horizons Café, loja de fotos e um Observatório interno. A 351 metros há um restaurante giratório, que faz uma volta panorâmica de 360 graus em 72 minutos.

Minha opinião: Gostei, mas esperava mais. A visão da cidade de Toronto através do observatório da torre é linda, porém seria ainda melhor se não tivesse vidro para todos os lados que podem deixar a visão menos nítida. O chão de vidro é ok, mas não consegui ver praticamente nada lá embaixo (só a parte de baixo da torre e o telhado do Ripley’s Aquarium), fora que as “divisórias” do vidro atrapalham a visão. No ano anterior eu havia visitado o Empire State em Nova York, e confesso que achei a torre e a visão bem mais interessantes que os da CN Tower. Mas é só minha opinião… A grande maioria dos visitantes adoram a CN Tower.

Preço na atração: CAD 36.16 general admission.
Preço com a ILAC: CAD 30.00 general admission.

Maiores informações aqui.

Toronto Zoo5-) Toronto Zoo.
É o maior zoológico do Canadá e um dos maiores do mundo, com uma área de 710 acres e 5.000 animais representando mais de 500 espécies. O local recebe cerca de 1.3 milhões de visitantes por ano. O zoo é dividido em sete regiões zoogeográficas: Indo-Malaya, África, Américas, Tundra Trek, Australásia, Eurásia e Domínio do Canadá.

Minha opinião: Adorei! O motivo principal de eu ter ido ao zoo foi ver os pandas, mas no fim acabei gostando do zoo inteiro. O ambiente dos pandas é totalmente educativo e interativo, assim como o zoo em geral. O zoo é enorme e há animais representando várias regiões do mundo, então prepare-se para andar muito. Mas vale a pena.

Preço na atração: CAD 23.00.
Preço com a ILAC: Não localizei o preço. A ILAC disponibiliza os valores somente dos passeios feitos no mês anterior (dezembro) e os a serem feitos no mês vigente (janeiro). Por se tratar de época de inverno, a escola não oferece passeio ao zoo (é um local mais afastado e faz mais frio lá, fora que os animais costumam ficar mais tempo “escondido em suas tocas” nessa época).

Maiores informações aqui.

The Distillery District6-) The Distillery District.
A área onde fica hoje o Distillery District abrigava, em 1832, a destilaria Gooderham and Worts, que se tornou a maior destilaria do mundo. O empreendimento deixou de funcionar após 153 anos na ativa, e um pouco mais de 10 anos atrás um grupo de investidores resolveram transformar os abandonados edifícios industriais de estilo vitoriano em algo diferente e único. Atualmente no local há diversas lojas, cafés, restaurantes, galerias de arte, escolas ligadas às artes e companhias artísticas, que promovem espetáculos frequentemente.

Minha opinião: Gostei, mas esperava mais. Achei o lugar um pouco diferente do que as fotos mostram, mas mesmo assim não deixa de ser interessante para visitar.

Preço na atração: A entrada ao complexo é gratuita, porém as atrações do local são pagas normalmente (lojas, cafés, restaurantes, etc).
Preço com a ILAC: CAD 1.00 (valor simbólico).

Maiores informações aqui.

Island
7-) Toronto Islands.
São uma cadeia de pequenas ilhas em Toronto. Há diversas opções de lazer e entretenimento, como ciclismo, pedalinhos, parques, etc. Possui uma vista maravilhosa da cidade de Toronto.

Minha opinião: Visitei a Centre Island e adorei. É a maior e a mais visitada das ilhas. Há muita área verde, e a vista de Toronto é espetacular.

Preço: CAD 8,19 do ferry, um tipo de barco que leva os visitantes até a ilha.

Maiores informações aqui.

High Park
8- ) High Park.
Foi criado em 1873 e atualmente é um dos maiores e mais movimentados parques de Toronto, possuindo 161 hectares de área e recebendo cerca de 1 milhão de visitantes por ano. A principal atração é o zoológico, com aves e animais de médio porte. Há também campos de futebol, rinque de patinação externo, jardins, trilhas para caminhadas e ciclismo.

Minha opinião: Adorei! O parque é enorme e possui muita, muita área verde. É um toque a mais no ambiente urbano da cidade.

Maiores informações aqui.

Beach
9-) Beaches – “Praias”.
Em Toronto as praias são de água doce e banhadas pelo lago Ontário. Há inclusive um bairro chamado The Beaches, e somente nele há quatro praias: Balmy Beach, Scarboro Beach, Kew Beach e Woodbine Beach.

Minha opinião: Conheci apenas uma praia, a Woodbine Beach, que é a maior e uma das melhores de Toronto. O dia que eu fui era Victoria Day, então fiquei na praia até quase meia noite que assistir aos fogos de artifício. E que frio! Já estava frio à tarde, e noite então ficou congelante. Mesmo assim várias pessoas estavam se divertindo na praia, comendo, jogando vôlei ou apenas apreciando o movimento.

Maiores informações aqui.

Eatom dundas1
10-) Eaton Centre / Dundas Square.
O Eaton Centre é um dos maiores shoppings do Canadá. Localizado no coração de Toronto, o prédio é uma imensa galeria de vidro com 230 estabelecimentos comercias – entre lojas, restaurantes e empresas de serviço.
A Dundas Square está para Toronto assim como a Times Square está para Nova York. Sempre há atrações no local, que é um dos mais visitados de Toronto.

Minha opinião: Adorei! O Eaton é enorme e possui lojas e restaurantes para todos os gostos. A Dundas Square não chega a ser uma Times Square, mas é um local muito bonito (principalmente pelos seus telões) e que vale a pena ser visitado.

Esses foram os 10 principais passeios que eu fiz em Toronto.
E vocês, já visitaram algum desses lugares? Se sim, gostaram? Se não, qual deles vocês têm mais vontade de visitar?
Comentem, vou adorar os recadinhos!

Até breve! 🙂

Anúncios

9 comentários em “Intercâmbio no Canadá – Passeios

  1. Parabéns pelo artigo Lis, vc faz muito bem, pq tem um bom número de pessoas fazendo intercâmbio e esse tipo de post pode ajudar muita gente jovem, que tá indo pro Canadá, visto que vc usa a sua linguagem, coloquial e não técnica. Isso aproxima as pessoas. Se as circunstâncias permitirem, talvez eu vá ao Canadá um dia, Eu sinceramente gostei pq vc coloca as coisas de maneira leve e o layout é agradável, não dá na vista.
    Sim! O projeto colaborativo veio bem a calhar. Eu estou gostando e espero que continue sempre com essa proposta de integrar blogs que de fato precisam de apoio,

    Curtido por 1 pessoa

    1. Muito obrigada pelo comentário, Leonardo! Fico feliz que você gostou do post!
      Vou ficar torcendo pra que você vá ao Canadá um dia. É um país lindo, você não vai se arrepender.
      Espero também poder conhecer alguns dos lugares que você menciona no seu blog, são lindos! 🙂

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s